Liberada a passagem de veículos no portal de Ituporanga

Mobilização pró-Bolsonaro reuniu milhares de pessoas desde à tarde desta segunda (31)

Enviar no WhatsApp
Liberada a passagem de veículos no portal de Ituporanga

Foto: Josué Eger / Sintonia FM

 

O trânsito no portal de Ituporanga foi liberado no final da tarde desta terça-feira (1/nov) em cumprimento a uma ordem judicial expedida pelo Juiz Marcio Preis.

A ação foi movida pelo Ministério Públido de Santa Catarina (MPSC) e tem valia para todas as Rodovias Estaduais de Santa Catarina. Parte do trecho do despacho: 

 

Autorizar, no cumprimento da liminar, que o Poder Público (Polícia Rodoviária Federal, Polícia federal, Polícia Militar, Polícia Civil e demais órgãos competentes) adote todas as medidas necessárias e suficientes ao resguardo da ordem no entorno e, principalmente, à segurança dos pedestres, motoristas, passageiros e dos próprios participantes do movimento, que estejam posicionados em locais inapropriados nas rodovias no Estado de Santa Catarina, inclusive mediante o emprego da força pública.

 

O documento determina multa de R$ 10 mil em caso de descumprimento da ordem judicial, a ser arcado pelos manifestantes responsáveis.

 

Movimento começou na segunda à tarde

Manifestantes Pró-Bolsonaro deram início a interdição parcial da via no início da tarde desta segunda-feira (31). Até a meia-noite, a exemplo do que ocorreu durante a tarde, o trânsito estava liberado em meia pista. 

A partir da zero hora desta terça (1/nov), o acesso ao município de Ituporanga, via portal,passou a ter bloqueio total. Mas ainda permitida a passagem de veículos de emergência. 

Nesta terça pela manhã, a manifestação reuniu um grande número de pessoas, conforme registro feito pelo jornalista Josué Eger e que ilustra esta reportagem. 

 

Por Isabel Caetano / Sintonia FM

Outras Notícias

PUBLICIDADE

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Confira nossa Política de privacidade e nosso Termo de uso.

Concordo