Fiscalização deve aumentar a partir desta quarta nas rodovias federais do Vale do Itajaí

Com a Operação Festas de Outubro, haverá aumento do efetivo e mais controle sobre a Lei Seca nas rodovias BR-101 e BR-470.

Enviar no WhatsApp
Fiscalização deve aumentar a partir desta quarta nas rodovias federais do Vale do Itajaí

Foto: PRF / Divulgação

 

Começa nesta quarta-feira (9) a operação da Polícia Rodoviária Federal (PRF) para intensificar a fiscalização durante as festas de outubro no Vale do Itajaí. Apesar de ter como foco a Oktoberfest em Blumenau, as ações também incluem as rotas próximas de festas como a Fenarreco em Brusque, a Marejada em Itajaí e a Festa do Imigrante em Timbó.

Durante a operação, que segue até o dia 27 de outubro, a PRF terá aumento de efetivo. Serão deslocados para o Vale do Itajaí 20 policiais que atuam no Rio Grande do Sul, além de outros que já atuam em Santa Catarina. Outros agentes serão convocados para trabalhar durante o período de folga e haverá reforço do Grupo de Motociclismo Regional.

O objetivo é diminuir o número de acidentes na região, principalmente durante os próximos três fins de semana, quando aumenta o fluxo de veículos no Vale do Itajaí. Na operação de 2018, a PRF registrou 83 acidentes, com 89 feridos e duas mortes, nos trechos da BR-470 e da BR-101 que tiveram reforço na fiscalização.

A operação também deve intensificar a fiscalização da Lei Seca nos próximos dias, já que há consumo de bebidas alcoólicas nas festas. Para não ser flagrado dirigindo sob efeito de álcool e garantir a segurança de quem trafega pela rodovia, a PRF orienta que os foliões escolham um "motorista da rodada" para garantir a viagem segura ou optem por utilizar vans, ônibus, táxis ou serviços de transporte por aplicativo.

 

Por Redação Santa

NSC Total

Outras Notícias

PUBLICIDADE

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Confira nossa Política de privacidade e nosso Termo de uso.

Concordo