Campanha nacional de vacinação contra o sarampo inicia nesta segunda-feira

Na primeira fase, o alvo são crianças entre seis meses e menores de cinco anos.

Enviar no WhatsApp
Campanha nacional de vacinação contra o sarampo inicia nesta segunda-feira

Foto: Salmo Duarte

 

A campanha nacional de vacinação contra o sarampo começa nesta segunda-feira (7). Na primeira fase, de 7 a 25 de outubro, o alvo são crianças de seis meses a menores de cinco anos. Na segunda etapa, o objetivo é imunizar adultos com idade entre 20 e 29 anos.

Santa Catarina recebeu 300 mil doses para executar a primeira etapa da campanha. Somente para Blumenau são quatro mil. O medicamento está à disposição da comunidade nas 32 salas de vacina das unidades básicas de saúde da cidade.

A meta é imunizar 7,3 mil crianças. A Secretaria Municipal de Promoção da Saúde reforça que a vacina é para aquelas que ainda não tomaram as duas doses recomendadas da tríplice viral: uma aos 12 meses e a segunda e última dose aos 15 meses.

Segundo a diretora de Vigilância Epidemiológica do Estado, Maria Teresa Agostini, as crianças nesta faixa etária correm maior risco de desenvolver complicações decorrentes do sarampo, como cegueira, encefalite, diarreia, infecções no ouvido.

A Secretaria de Saúde de Blumenau não informou quantos adultos entre 20 e 29 anos estima vacinar. Entretanto, reforçou que não há notificações de sarampo em 2019 na cidade e que o último caso adquirido no município foi registrado em 1997. Isso, porém, não anula a necessidade de se proteger.

- Adultos nesta faixa etária precisam ter tomado duas doses da vacina ao longo da vida. Caso não tenham tomado, não lembrem ou não tenham mais a carteirinha de vacinação, a recomendação é que vá até uma sala de vacina - esclarece a enfermeira, Arieli Fialho, da Diretoria de Epidemiológica do Estado.

Serviço

1º fase: outubro

Entre os dias 7 e 25, sendo o dia D, de mobilização nacional, em 19 de outubro

Alvo: todas as crianças não vacinadas de seis meses a menores de cinco anos de idade

2º fase: novembro

Entre os dias 18 e 30, sendo o dia D, de mobilização nacional, em 30 de novembro

Alvo: adultos não vacinados na faixa etária de 20 a 29 anos de idade

Campanha nacional de vacinação contra o sarampo

Números

Neste ano, até o dia 29 de setembro, foram confirmados 26 casos de sarampo em Santa Catarina. Todos contraídos fora do Estado. Além destes, outros 34 que estão em investigação ou reteste. Os primeiros casos de 2019 foram registrados em fevereiro, em três tripulantes estrangeiros que estavam a bordo de um cruzeiro que ancorou em Porto Belo e Balneário Camboriú. Os demais foram registrados a partir do dia 17 de julho, em: Florianópolis (16), Barra velha (3), Guaramirim (1), Balneário Camboriú (1), Schroeder (1) e Joinville (1). Os últimos casos da doença contraídos no Estado foram em 1999, em um surto de 25 pessoas.

Sarampo

É uma doença viral, extremamente contagiosa. O vírus se espalha facilmente pelo ar através da respiração, tosse ou espirros e pode ficar até duas horas no ambiente. Uma pessoa com sarampo pode transmitir a doença para uma média de 12 a 18 pessoas que nunca foram expostas ao vírus anteriormente ou que não tenham se vacinado. A única forma de se prevenir é com a vacinação. Os principais sintomas do sarampo são: febre, tosse, coriza, aparecimento de manchas vermelhas no corpo e olhos avermelhados.

 

Por Redação Santa

NSC Total

Outras Notícias

PUBLICIDADE

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Confira nossa Política de privacidade e nosso Termo de uso.

Concordo