Ex-prefeito é condenado a mais de 50 anos de prisão

Enviar no WhatsApp

 

O ex-prefeito de Major Vieira e ex-presidente da Federação Catarinense dos Municípios (Fecam), Orildo Servegnini, foi condenado nesta quinta (19), a mais de 50 anos de prisão. O seu filho, Marcus Vinicius Servegnini, e os empresários Décio Pacheco e Décio Pacheco Júnior, receberam penas semelhantes.

O grupo foi investigado pelo Ministério Público de SC e pela Polícia Civil de Canoinhas por crimes de organização criminosa, corrupção, fraudes à licitação e lavagem de dinheiro.

A primeira fase da operação Et Pater Filium foi deflagrada no dia 31 de julho de 2020. O nome faz referência às duas duplas de pais e filhos, que segundo o MP, montaram um esquema de desvio de dinheiro, após direcionamento e superfaturamento de obras públicas. Os valores eram ocultados das autoridades por atos de lavagem de dinheiro, como a transferência de imóveis para terceiros.

Veja como ficaram as penas:

ORILDO ANTONIO SEVERGNINI - 57 anos 10 meses e 14 dias de prisão (41 anos e 26 dias de reclusão e 16 anos, 9 meses e 18 dias de detenção)

MARCUS VINICIUS BRASIL SEVERGNINI -  41 anos, 6 meses e 14 dias de prisão (29 anos, 10 meses e 24 dias de reclusão; 11 anos e 8 meses de detenção)

DECIO PACHECO -  53 anos, 11 meses e 6 dias de prisão (41 anos, 11 meses e 6 dias de reclusão; 12 anos de detenção)

DECIO PACHECO JUNIOR -53 anos, 11 meses e 6 dias de prisão   (41 anos, 11 meses e 6 dias de reclusão; 12 anos de detenção)

Além da pena de prisão, Orildo e Marcus foram condenados a pagar R$ 5.710.620,67, por danos morais coletivos ao Município de Major Vieira, com juros e correção monetária.

A decisão é de primeiro grau. Cabe recurso.

Orildo e Marcus Servegnini ainda respondem a mais três ações penais em outras fases da operação, que tramitam tanto na Vara Criminal de Canoinhas, como no Tribunal de Justiça de Santa Catarina.

 

Outras Notícias

PUBLICIDADE

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Confira nossa Política de privacidade e nosso Termo de uso.

Concordo