Idoso agride esposa e tentar colocar fogo na casa após discussão sobre coronavírus em Chapecó

PM de folga pulou o muro da casa e imobilizou o agressor, que estava com um faca.

Enviar no WhatsApp
Idoso agride esposa e tentar colocar fogo na casa após discussão sobre coronavírus em Chapecó

Homem tentou iniciar fogo pela mobília da cozinha (Foto: PM Chapecó, divulgação)

Uma discussão sobre higiene em época de coronavírus terminou na delegacia em Chapecó, no Oeste de Santa Catarina. Um idoso de 61 anos agrediu a esposa e tentou atear fogo na casa depois que ela pediu para que ele lavasse as mãos. Segundo a vítima de 55 anos, o marido se negou e passou a agredi-la, e com um líquido inflamável, tentou iniciar um incêndio.

A filha do casal, de 22 anos, estava em casa e iniciou o combate às chamas. Vizinhos acionaram um policial militar que mora nas redondezas, e estava de folga. Ele pulou o muro para entrar na casa e segundo a ocorrência, encontrou o homem com um galão de gasolina e uma faca na cintura. O policial imobilizou o agressor até a chegada de reforços.

os policiais, a esposa relatou que solicitou ao seu marido que ele lavasse as mãos, por prevenção devido ao perigo contágio do coronavírus. O homem se irritou e passou a proferir palavras de baixo calão, e depois tentou atear fogo na casa segundo a ocorrência.

A PM registrou o caso como tentativa de feminicídio e incêndio, e encaminhou o homem até a delegacia. Ele prestou depoimento à Polícia Civil e deverá responder pelo crime de agressão. O homem tinha passagens anteriores por lesão corporal, tráfico de drogas e ameaça.

 

Por Lariane Cagnini

DC / NSC Total

Outras Notícias

PUBLICIDADE

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Confira nossa Política de privacidade e nosso Termo de uso.

Concordo