Como deve ficar o tempo após mais um evento de chuva com vítimas em Santa Catarina

O estado voltou a ter mortes e cidades em emergência pela chuva em segundo episódio de precipitação extrema em menos de 30 dias

Enviar no WhatsApp

 

Os temores de que o estado de Santa Catarina voltaria a ter condição de chuva em grande volume e com riscos à população se confirmaram. 

Florianópolis, Palhoça, Balneário Cmboriú, Camboriú, Penha, Itapema e Balneário Piçarras, foram etremamente atingidos com inundações e deslizamentos. 

Duas adolescentes, de 16 e 17 anos, morreram vítimas de um soterramento em Camboriú na madrugada desta terça. As vítimas eram primas.

 

Chuva orográfica causou volumes extremos 

Os volumes extremos foram consequência de chuva orográfica. Umidade que vem do oceano, trazida por vento do quadrante Sul a Leste, em razão de uma massa de ar frio na costa ao encontrar a barreira do relevo da Serra ascende na atmosfera e encontra temperatura mais baixa. Isso leva à condensação e à ocorrência de chuva induzida pelo relevo. Episódios de chuva orográfica são de alto risco porque costumam trazer acumulados de precipitação localmente muito altos e que não raro até acabam superando as projeções dos modelos numéricos. Os litorais de Santa Catarina, São Paulo e Rio de Janeiro são os de maior risco de eventos de chuva extrema de natureza orográfica no Brasil com um histórico longo de situações de desastre por este tipo de precipitação.

A boa notícia é que a instabilidade vai diminuir. O tempo não firma totalmente nos próximos dias, mas o sol já aparecerá com nuvens em diversas cidades do Leste catarinense e a chuva tende a ser mais isolada e com baixos volumes na maioria das áreas. O período de precipitação mais extrema, assim, chega ao fim.

 

Previsão para os próximos dias 

Os mapas abaixo mostram a projeção de chuva diária para esta quarta (21), quinta (22), sexta (23) e sábado (24) do modelo meteorológico alemão Icon em que se observa nitidamente a perspectiva de a chuva diminuir e até parar com melhoria no Leste catarinense. Outra boa notícia. Os modelos até indicam chuva para a última semana do ano em vários dias no Leste de Santa Catarina, mas exceção de temporais muito isolados não se antecipa novo evento de chuva mais extrema e abrangente como do começo desta semana.

 

Por MetSul.com

 

Outras Notícias

PUBLICIDADE

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Confira nossa Política de privacidade e nosso Termo de uso.

Concordo