Preso suspeito de matar e abandonar mulher em hospital de Ibirama

Preso suspeito de matar e abandonar mulher em hospital de Ibirama

Câmeras de monitoramento registraram o homem chegando com a mulher nos braços (Foto: NSC TV)

 

O homem suspeito de matar uma mulher de 23 anos e abandonar o corpo dela em um hospital de Ibirama foi capturado na noite de quinta-feira na cidade do Alto Vale do Itajaí.

Segundo a Polícia Civil, o homem entrou no hospital por volta das 8h de quinta-feira carregando a mulher no colo. Como ela estava desacordada, ele conseguiu pular a triagem e logo foi atendido por um médico. No consultório, o médico identificou que ela estava morta. Ela tinha vários hematomas pelo corpo e os dentes quebrados. O profissional começou a fazer perguntas ao homem, que disse que avisaria uma tia sobre a morte da jovem e fugiu.

Nas imagens registradas pelas câmeras de segurança do hospital, ele aparece saindo do local com uma criança e fugindo em um carro. Ela foi identificada como Chaiane Til, 23 anos, moradora de Apiúna. Ela deixa dois filhos, um menino de nove anos e uma menina de sete.

À noite, o homem, que era companheiro de Chaiane, acabou sendo preso ainda em Ibirama e é o principal suspeito pela morte dela. Ele estava foragido do Complexo Penitenciário da Canhanduba desde maio, quando conseguiu uma saída temporária, e foi encaminhado novamente ao presídio no Litoral.

O corpo de Chaiane deve ser sepultado às 16h desta sexta-feira no cemitério municipal de Indaial. A família dela, bastante abalada, diz que havia histórico de violência doméstica e que o suspeito era bastante agressivo com ela. O paradeiro dos filhos do casal ainda é desconhecido - a família de Chaiane desconfia que eles estejam com a avó paterna. A Polícia Civil de Apiúna assumiu o caso.

Este é o segundo caso de feminicídio registrado nesta semana no Vale do Itajaí. No domingo, um morador de Blumenau jogou gasolina e ateou fogo na mulher e no próprio filho. Os três foram internados, mas ela não resistiu aos ferimentos e morreu na madrugada de segunda-feira.

 

(Com informações de Vanessa Moltini, da NSC TV)

Jornal de Santa Catarina

Outras Notícias

PUBLICIDADE