Decreto que prevê remunerar o trabalho dos bombeiros comunitários pode aumentar o efetivo no Quartel em Ituporanga

Decreto que prevê remunerar o trabalho dos bombeiros comunitários pode aumentar o efetivo no Quartel em Ituporanga

Foto: CBM Ituporanga / Divulgação)

 

O anúncio feito na semana passada pelo Governador Carlos Moisés pode beneficiar diretamente o trabalho dos bombeiros em Ituporanga. O Estado pretende remunerar o trabalho dos bombeiros comunitários como forma de diminuir a falta de efetivo em todo o Estado.

Em Entrevista a Sintonia FM, o comandante dos bombeiros de Ituporanga Tenente Rubens Babel, explica que a ideia é que dois bombeiros comunitários sejam integrados as guarnições em cada plantão. Na Capital da Cebola, atualmente são 34 bombeiros comunitários ativos e que estariam aptos a prestar esse serviço. A proposta prevê o pagamento de R$ 150 a cada plantão de 24horas.

As informações na reportagem especial de Adriane Rengel.

 

Outras Notícias

PUBLICIDADE