Vereadores de Ituporanga aprovam retirada parcial da gratificação de regência de classe aos professores

Auditor do Tribunal de Contas do Estado explica que prefeitura de Ituporanga está com excesso na folha de pagamento desde 2015.

Enviar no WhatsApp
Vereadores de Ituporanga aprovam retirada parcial da gratificação de regência de classe aos professores

Divulgação

 

O plenário da Câmara de Vereadores estava lotado na noite desta quarta-feira, 11, para acompanhar a votação do projeto de lei que foi encaminhado pela adminiostração e sugeria a extinção total dos 40%  da regência de classe para professores ACTS, aqueles adminitido em caráter temporário.

O corte foi proposto pela administração alegando necesseidade de adequação na folha de pagamento.  O  de Lei  foi aprovado pela maioria dos vereadores,  mas com uma emenda que manteve 10%  de gratificação.

Ainda durante a sessão foi exposto aos vereadores e a todos os presentes uma explicação feita por um auditor do Tribunal de Contas do Estado, em que ele afirma que a situação da prefeitura de Ituporanga no que diz respeito a folha de pagamento e o descumprimento do limite prudencial de gastos para essa finalidade ocorre desde 2015.

As informações na reportagem especial de Adriane Rengel.

 

Outras Notícias

PUBLICIDADE

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Confira nossa Política de privacidade e nosso Termo de uso.

Concordo