Suspeita de matar o pai pede para ir no velório

Enviar no WhatsApp

 

A adolescente suspeita de, junto com uma amiga, matar o pai a facadas em São Miguel do Oeste, no Extremo-Oeste de Santa Catarina, pediu para ir ao velório. A informação foi confirmada pela assessoria do Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC) ao Diário Catarinense.

O pedido no entanto foi negado. As duas permanecem apreendidas em Chapecó. O crime aconteceu na sexta-feira (15), quando o policial civil de 46 anos, foi encontrado morto com ferimentos de faca no pescoço.

A filha e a amiga confessaram a autoria após serem confrontadas pela polícia. As duas foram encaminhadas, no sábado (16), ao Centro de Atendimento de Adolescentes (Case) em Chapecó, onde permanecem apreendidas. O processo segue em segredo de Justiça.

Fonte: NSC

 

Outras Notícias

PUBLICIDADE

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Confira nossa Política de privacidade e nosso Termo de uso.

Concordo