Polícia Civil desarticula célula de organização criminosa atuante no Alto Vale

Enviar no WhatsApp
Polícia Civil desarticula célula de organização criminosa atuante no Alto Vale

Foto: Divulgação

 

A Divisão de Investigação Criminal, realizou no final da tarde desta quarta-feira (17) e manhã desta quinta-feira (18), operação policial com o objetivo de desarticular uma organização criminosa voltada ao comércio de drogas na região do Alto Vale, principalmente nas cidades de Rio do Sul e Lontras. 

As investigações tiveram início no começo deste ano de 2022. Durante as investigações, os policiais conseguiram angariar elementos probatórios que apontaram para criminosos, os quais pertencem a uma organização criminosa catarinense e estavam comandando pontos de venda de drogas na região.

A operação realizada nesta quarta-feira (17), teve como finalidade desarticular os gerentes desta organização, responsáveis pela parte financeira deste grupo e pelo abastecimento dos pontos de drogas mantidos pelos criminosos.

Foram cumpridos 6 mandados de busca e apreensão, 5 mandados de prisão preventiva, bloqueio das contas dos investigados, e sequestro desses valores e veículo. As ordens foram deferidas pelo Poder Judiciário, após parecer favorável do Ministério Público de Rio do Sul.        

No cumprimento das buscas foram apreendidos aparelhos celulares, dinheiro, televisores de 60 e 50 polegadas, oriundos de crimes contra o patrimônio, além da prisão de um foragido da justiça pelos crimes de tráfico de drogas e associação ao tráfico. 

No decorrer das investigações 13 pequenos traficantes foram presos pelos crimes de tráfico de drogas e associação ao tráfico. Ao todo, com as prisões de quarta-feira (17) e desta quinta(18), foram 19 prisões.

Os trabalhos prosseguem para o total esclarecimento dos crimes investigados. 

 

Com informações da Polícia Civil de Rio do Sul

Outras Notícias

PUBLICIDADE

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Confira nossa Política de privacidade e nosso Termo de uso.

Concordo