Dupla suspeita de cometer assaltos em cidades do Alto Vale é detida pela PM

Dupla suspeita de cometer assaltos em cidades do Alto Vale é detida pela PM

Divulgação

Nesta quarta-feira (23), a Central Regional de Emergência recebeu informações do Cabo Sacht, policial militar que estava de folga, que o veículo VW Gol de cor vermelha, que havia efetuado roubos no Alto Vale, estava transitando pela BR-470, no sentido Rio do Sul a Lages. O PM fez acompanhamento, acionando as guarnições para fazer a abordagem do veículo próximo ao trevo principal de acesso a Rio do Sul, onde foi montada uma barreira para realizar a abordagem.

Os ocupantes do carro desrespeitaram a ordem de parada, apontaram uma arma de fogo para os policiais da barreira e empreenderam fuga pelo acostamento da via. Os policiais que estavam na barreira efetuaram disparos de arma de fogo na direção do veículo e saíram em acompanhamento. O Gol entrou na rua Carl Lingner, no bairro Canta Galo, próximo a empresa Star Luck Jeans. Ao adentrar na rua, o caroneiro do veículo arremessou a arma de fogo pela janela e logo em seguida pararam o veículo. Os ocupantes foram identificados como Jonatan Velozo (19), e Jonatha Junior Cluerice (19). Após a realização de buscas foi localizada a arma de fogo, um revólver calibre .32 com três munições intactas. Foi dada voz de prisão aos agentes, os quais foram conduzidos a delegacia para as providências.

Jonatha Junior Cluerice apresentava lesão corporal na perna esquerda, provocada por disparo de arma de fogo, sendo encaminhado ao PS do Hospital Regional para atendimento médico, antes de ser apresentado na Delegacia. Na delegacia, ele foi reconhecido pelas vítimas como autor do roubo praticado na Panificadora Cecília, em Trombudo Central, no dia anterior, onde inclusive efetuou um disparo de arma de fogo. Ele foi reconhecido também pelas vítimas do roubo ocorrido na Baiki Badai, no sábado, dia 19. O proprietário de um posto de combustíveis de Atalanta também entrou em contato com a delegacia informando que os criminosos abasteceram o mesmo veículo VW/GOL no dia anterior e saíram sem pagar. A vítima do roubo na Lotérica de Aurora não conseguiu reconhecer nenhum suspeito pois ele estava encapuzado na hora do roubo. A Polícia Civil investiga outros roubos semelhantes que podem ter sido praticados pelos mesmos agentes.

Educadora

Outras Notícias

PUBLICIDADE