Arsenal de armas e munições é aprendido em Vidal Ramos pela Polícia Civil

Os policiais foram até uma residência situada na localidade de Chapadão do Tigre, interior de Vidal Ramos, após denúncia oriunda do disque 100

Enviar no WhatsApp
Arsenal de armas e munições é aprendido em Vidal Ramos pela Polícia Civil

Foto: Polícia Civil Ituporanga

 

Após denúncia, o que era para ser mais uma ocorrência de violência doméstica se transformou na maior apreensão de armas e munições da história de Vidal Ramos, nesta quinta-feira (13) realizada pela Polícia Civil.

Numa operação conjunta entre a Delegacia de Polícia do Município de Vidal Ramos (DPMU) e com apoio de policiais da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Ituporanga, DPMU de Leoberto Leal e da Delegacia da Comarca de Ituporanga (DPCAMI) apreenderam no interior de Vidal Ramos 38 armas de fogo e 2.216 munições de vários calibres e diversos apetrechos relacionados ao arsenal.

Os policiais foram até uma residência situada na localidade de Chapadão do Tigre, interior de Vidal Ramos, após denúncia oriunda do disque 100 a cerca de possível violência doméstica o qual o agressor também se valeria de arma de fogo para ameaçar a vítima.

No local, a suposta vítima negou as agressões, e informou que tal fato não era verdadeiro, mas, os policiais encontraram diversas armas de fogo, dentre elas espingardas, revólveres, garruchas, pistolas e centenas de munições dos mais variados calibres.

Segundo uma fonte da Polícia Civil, na residência foram aprendidas 22 Armas longas, 3 Garruchas, 7 Revólveres, e 6 Pistolas.

Além das munições de diversos calibres intactas, os policiais localizaram estojos de flagrados e  insumos para recargas de munição.

Pelo menos uma das armas de fogo encontrava-se suprimida.

O autor dos fatos foi conduzido para a Delegacia de Polícia, sendo autuado em flagrante pelos crimes tipificados no art. 12 e 16 da Lei n 10.826/2003, Possuir ou manter sob sua guarda arma de fogo, acessório ou munição, de uso permitido, em desacordo com determinação legal ou regulamentar, no interior de sua residência ou dependência desta, ou, ainda no seu local de trabalho, desde que seja o titular ou o responsável legal do estabelecimento ou empresa: Pena - detenção, de um a três anos, e multa.

Por: João Sérgio / Sontonia FM / Fonte: DPMU Vidal Ramos / DIC Ituporanga

 

Outras Notícias

PUBLICIDADE

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Confira nossa Política de privacidade e nosso Termo de uso.

Concordo