Uso de celular em escolas será incentivado em Rio do Sul, após lançamento do Google for Education

Alunos da rede municipal de ensino contarão com os aplicativos de uma das maiores empresas de tecnologia do mundo

Uso de celular em escolas será incentivado em Rio do Sul, após lançamento do Google for Education

Foto: Divulgação

O conjunto de ferramentas Google for Education, foi lançado na manhã desta segunda-feira (21), na Escola Modelo Ella Kuth, em Rio do Sul, Alto Vale do Itajaí. O lançamento foi simultâneo, via hangout (videoconferência), entre os 11 colégios que possuem turmas do ensino fundamental. A parceria com uma das maiores empresas de tecnologia do mundo, o Google, surgiu após a implantação do Programa Rio do Sul Digital. Com a novidade, o uso dos celulares na sala de aula, muitas vezes proibido, deve passar a ser incentivado.

Agora, além de ter internet gratuita, os alunos vão aprender a usar a tecnologia a favor do desenvolvimento intelectual. O conjunto de aplicativos vai beneficiar diretamente 2.660 alunos, que fazem parte do ensino fundamental. "Como dizia o meu padrinho Ladislau Homonnay 'basta se viver o tempo suficiente para se ver o contrário de todas as coisas' e é isso que estamos vivendo, o que era proibido passa a ser permitido e isso encanta as crianças e serve de estímulo para que elas construam o conhecimento", diz o professor que ministrou treinamento da QI Netwoork, para os multiplicadores de Rio do Sul, Jorge Purgly.

O Google for Education é composto dos mesmos aplicativos já utilizados pelo público geral do Google (e-mail, drive, sites, hangout, entre outros), porém com sigilo do conteúdo da escola, maior privacidade dos usuários e sem anúncios nas ferramentas de estudo. “Para a Secretaria Municipal de Educação, há outros benefícios como economia, maior produtividade e segurança na administração das informações”, descreve o prefeito de Rio do Sul, Garibaldi Antônio Ayroso.

A diretora da escola Ella Kurth, Raquel Dotta Corrêa Moser, se percebe no projeto a possibilidade de revolucionar o ensino. "Estes momentos que eles passam em frente ao computador é muito diferente de quando estão sentados na sala de aula, aqui eles constroem o conhecimento e o professor é o mediador o que torna tudo muito mais significativo", defende.  

Rio-sulenses serão os primeiros do mundo a receber certificação da Google

Durante o evento foi apresentado também o Desafio Apps for Education, no qual o município será o piloto. O Programa do Google oferecerá uma certificação oficial aos estudantes como um incentivo para que aprendam a como usar os aplicativos. “Esta é uma iniciativa inédita que busca integrar professores e alunos no uso das ferramentas que fazem parte do Google Apps for Education. Para receber a certificação, o aluno precisa cumprir algumas tarefas junto dos professores que irão validá-las para que o aluno receba a certificação”, conta o diretor de Marketing da QI Netwoork, Rômulo Martins.

Rio do Sul foi escolhido pelo engajamento que tem demonstrado para propiciar o crescimento intelectual dos alunos com o uso de tecnologias, para a implantação do projeto-piloto. “Quando nos foi solicitado para escolher um local para a implantação deste projeto, não tivemos dúvida em convidar Rio do Sul. O município será um caso de sucesso e pioneiro no mundo com esse piloto da certificação oficial Ggoogle”, afirma Martins.

O desafio será feito em três etapas, em que serão avaliados os conhecimentos de alunos nos aplicativos que compõem o google for education. “A escolha da nossa cidade para ser a primeira do mundo a fazer parte deste projeto nos deixa satisfeitos, demonstra que estamos no caminho certo, ao fazer investimentos para democratizar a internet e assim, preparar nossos alunos para o mercado futuro”, destaca o coordenador do Programa Rio do Sul Digital, Eduardo Schulze.

Na primeira etapa, os alunos recebem a certificação em Tutores Google Apps, após a conclusão de sete tarefas. Na segunda etapa, os participantes serão testados por meio de desafios variados em que, no processo de resolução, serão utilizados os aplicativos Google. Na terceira etapa, o teste final, o nível de dificuldade será mais elevado. O desafio terá a duração de três meses e tem o número de inscrições ilimitadas para alunos das escolas municipais de Rio do Sul do sexto ao nono ano. 

Notícias do Dia 

Outras Notícias

PUBLICIDADE