Tremor em Jaraguá do Sul é considerado terremoto

Moradores de Jaraguá do Sul, Guaramirim e Schroeder sentiram o fenômeno na madrugada

O tremor de terra sentido pelos moradores de Jaraguá do Sul, Guaramirim  e Schroeder, na madrugada de segunda-feira teve 3,5 de magnitude, segundo o Observatório Sismológico da Universidade de Brasília (UnB). 

O fenômeno é considerado um terremoto, mas, de acordo com o professor e pesquisador George Sand de França, a intensidade é considerada normal. 

— A população pôde sentir os efeitos por cerca de três segundos apenas. Esse movimento das placas é comum na região, mas nem sempre pode ser sentido — diz.

O secretário da Defesa Civil de Jaraguá do Sul, Marcelo Prochnow, afirma Moradores de diversos bairros sentiram o tremor. Os moradores de Guaramirim sentiram o tremor com maior intensidade.

— Recebemos ligação do bairro Amizade, Vila Nova, João Pessoa, Rio Branco e soubemos que em Guaramirim e Schroeder o tremor também foi sentido.

O tremor de terra também foi sentido por moradores de Joinville. Morador do bairro Vila Nova, em Joinville, Alexsander Gonçalves disse ter sentido tremor de terra por volta das 4h30 da última segunda-feira. Ele mora na Estrada Blumenau. 

Em 2010, tremores foram sentidos na localidade Tifa Theilacker, no bairro Três Rios do Norte, em Jaraguá. Na época, A Defesa Civil descartou a hipótese de terremoto e trabalhou com a tese de acomodação do solo por conta das chuvas.

Em Pirabeiraba, foram 11 tremores em menos de 24 horas no ano de 2012, também em função da acomodação do solo.

A NOTÍCIA

Outras Notícias

PUBLICIDADE