TRE-SC homologa resultado da eleição e anula votos perdidos no Sul

Urna de Içara teve problema e 287 votos não foram computados domingo.

Candidato a deputado estadual entrou com recurso, mas foi indeferido.

O Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina (TRE-SC) homologou na tarde desta segunda-feira (6) o resultado da eleição 2014 em Santa Catarina. No domingo (5), 287 votos de uma seção eleitoral em Içara, no Sul do estado, foram perdidos após problemas em uma urna eletrônica.

Por volta das 23h, após a formalização do TRE da perda de dados, a apuração no estado foi encerrada.

Um deputado estadual decidiu recorrer da decisão, pois alega ter perdido a vaga na Assembleia Legislativa por 37 votos. Ele pediu a impugnação da urna, validação dos votos registrados e uma auditoria no equipamento, mas o pedido foi indeferido pelo TRE-SC, pois todos os dados foram perdidos. Depois da negativa, às 18h30 desta segunda,  Dóia Guglielmi (PSDB) entrou com recurso solicitando uma nova eleição na seção. O candidato alega que perdeu o cargo por 37 votos e esta urna poderia ser decisiva para a vitória. Ele alcançou 1,16% dos votos válidos, um total de 41.052. Em Santa Catarina, 40 deputados estaduais foram eleitos.

Problema na urna

A partir das 15h de domingo, a urna eletrônica da seção número 458, da escola Tranquillo Pizzetti,  bairro Nossa Senhora de Fátima, começou a apresentar problemas. Até então, 287 pessoas tinham votado, dos 390 registrados na seção. A urna foi trocada cinco vezes, mas não funcionou. Os demais 43 eleitores votaram em cédulas de papel, considerados votos válidos. A votação terminou pouco antes das 19h, duas horas após o previsto pelo TRE.

De acordo com o TRE-SC, a urna travou e parou de contabilizar votos. Ocorreu um problema no cartão criptografado que faz a leitura dos votos registrados. Técnicos tentaram trocar a mídia várias vezes, mas não conseguiram e foi decidido iniciar a votação manual. Durante a apuração, no domingo à noite, com a impossibilidade de recuperar os dados perdidos, a comissão de apuração do Tribunal decidiu anular os 287 votos registrados na urna eletrônica e contabilizar os registrados em urna de papel.

Com isso, a eleição foi dada como encerrada. Na tarde desta segunda, uma seção do TRE-SC, homologou o resultado das eleições 2014 em Santa Catarina, conforme predispõe a Lei Eleitoral. Um relatório sobre o problema foi feito e ficará à disposição dos partidos e coligações por três dias, assim os que não concordam com o resultado homologado nesta segunda podem recorrer. Após o prazo, os interessados ainda terão dois dias para formalizar solicitações de recurso. Depois disso, eles serão julgados pelo Tribunal Regional Eleitoral. 

G1SC

Outras Notícias

PUBLICIDADE