SC atrás da média nacional na prestação de contas dos candidatos

SC atrás da média nacional na prestação de contas dos candidatos

Imagem: Ilustrativa

Por enquanto, só 5% dos candidatos em Santa Catarina fizeram a prestação de contas parcial de seus gastos de campanha e informaram quanto arrecadaram até o momento — foram 34 dos 611 que se enfrentarão nas urnas em 2014. A média brasileira, somando os candidatos de todos os estados, está hoje em 8%, 2.165 entregues das 24.961 prestações esperadas.

Por aqui, apenas um dos oito candidatos ao governo já prestou contas à Justiça Eleitoral, nenhum dos senadores, cinco dos candidatos à Câmara dos Deputados e 28 dos na disputa para entrar na Assembleia. Os outros 95% tem como prazo o dia 2 de agosto para o envio dos dados, que serão compilados pelo TSE e divulgados no dia 6 do mesmo mês, de acordo com a assessoria do TRE-SC.

Nesta quarta-feira, o Estado mais avançado nesse processo é o do Amazonas, com 26% das declarações entregues. O mais atrasado é o Maranhão, com apenas 2%.

Em relação à relação das prestações que faltam por cargos, a mais atrasada é a disputa presidencial. Nenhum dos 11 candidato à Presidência entregaram os dados de quanto já gastaram e o total arrecadado.

Diário Catarinense 

Outras Notícias

PUBLICIDADE