Rastreabilidade para comercialização de produtos vegetais é tema de palestra em Ituporanga

Evento ocorre nesta quinta-feira (12) na Câmara de Vereadores a partir das 19h.

Enviar no WhatsApp
Rastreabilidade para comercialização de produtos vegetais é tema de palestra em Ituporanga

Foto: Divulgação

 

Após a aprovação da Portaria que passa a vigorar a partir de agosto e exige que os produtos vegetais produzidos no Brasil sejam comercializados com código de rastreabilidade, fica a necessidade de informar e capacitar os produtores e agricultores para o processo de adequação.

Mas, afinal, para que serve a rastreabilidade? O que deve ser rastreado? Qual o papel do agricultor? Qual o papel do comerciante?

Todas essas dúvidas serão respondidas durante uma palestra com o engenheiro agrônomo da Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina (Cidasc) e gestor da Divisão de Defesa Sanitária Vegetal, Alexandre Mees, em um evento nesta quinta-feira, 12 de julho, às 19h na Câmara de Vereadores de Ituporanga.

O evento gratuito é promovido em uma parceria entre a Cidasc, Epagri de Ituporanga e Administração Municipal por meio da Secretaria de Agricultura. O público alvo abrange agricultores, supermercadistas, atacadistas, cerealistas, profissionais do setor de produção e comercialização de produtos vegetais.

Muitos produtores de Ituporanga e região saíram na frente e já possuem o código de rastreabilidade, porém alguns detalhes precisam ser mais bem conversados para que todos recebam informações sobre todo o processo.

 

Por Assessoria de Imprensa

Outras Notícias

PUBLICIDADE

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Confira nossa Política de privacidade e nosso Termo de uso.

Concordo