Polícia Civil elucida homicídio ocorrido no mês de Janeiro em Rio Do Sul

Polícia Civil elucida homicídio ocorrido no mês de Janeiro em Rio Do Sul

Polícia Civil elucida homicídio ocorrido no mês de Janeiro em Rio Do Sul (Fotos: DIC/Divulgação)

A Polícia Civil de Santa Catarina através da DIC - Divisão de Investigação Criminal de Rio do Sul esclareceu o homicídio ocorrido no mês de Janeiro de 2015 em Rio do Sul, identificando o autor dos fatos, Jeferson Bruno dos Santos Cavalcante que se encontra recolhido no Presídio Regional de Rio do Sul, e também a vítima que até então estava sem identificação e havia sido enterrada como indigente.

No dia 31 de janeiro de 2015 foi encontrado em um dos galpões localizados ao lado da conhecida ponte "do Galo", no terreno da antiga Secretaria de Obras do município, um corpo já em estado avançado de putrefação. 

O cadáver foi encontrado com pés e mãos amarrados, com uma mordaça na boca e enrolado em cobertores, sendo que devido ao estado do corpo,o que dificultou na sua identificação, as primeiras informações foram de que se tratava de uma mulher com aproximadamente 35 anos de idade e que o óbito teria ocorrido de 15 a 20 dias antes daquela date em que o corpo foi encontrado.

Juntamente com a Delegada de Plantão na Central de Polícia, os agentes da DIC se deslocaram até o local e desde já iniciaram as investigações do crime. No local haviam pertences de Florisvaldo Araújo Barbosa (42 anos de idade), oriundo da cidade de Foz do Iguaçu/PR, o qual passou a ser procurado pela polícia como um dos suspeitos de praticar o crime.

No decorrer das investigações imagens do sistema de monitoramento de um supermercado de Rio do Sul foram identificadas pela polícia, as quais mostram Florisvaldo acompanhado de um jovem, em data anterior ao encontro do cadáver e na provável época em que o crime ocorreu.

Após alguns meses de investigação a Polícia Civil através da DIC Rio do Sul identificou o rapaz que apareceu nas imagens do supermercado acompanhado de Florisvaldo, tratando-se de Jeferson Bruno dos Santos Cavalcante (20 anos de idade), natural de Belém do Pará e atualmente residente na cidade de Blumenau/SC, o qual passou a ser procurado pela polícia, inclusive com mandado de prisão temporária expedido pelo Juízo Criminal da Comarca de Rio do Sul.

Na semana passada, dia 08 de julho de 2015, Jeferson foi preso na cidade de Blumenau por estar envolvido com tráfico de drogas, e no dia seguinte os policiais da DIC cumpriram um mandado de busca e apreensão na residência onde o investigado residia em Blumenau, oportunidade em que foram encontrados mais de 2 quilos de maconha e outros apetrechos para a prática de tráfico de drogas, bem como, duas pessoas foram presas e um adolescente apreendido no local. No mesmo dia, Jeferson foi transferido do presídio de Blumenau para Rio do Sul, oportunidade em que foi interrogado pelo Delegado da DIC responsável pelas investigações do homicídio.

Jeferson em seu interrogatório deu detalhes da execução do crime, reconheceu ser o rapaz que acompanhava Florisvaldo no supermercado do qual foram extraídas as imagens e relata que a vítima na verdade se trata de Florisvaldo, com o qual autor estaria realizando negociações de drogas oriundas do Estado do Paraná, e segundo ele estava sendo enganado pela vítima que trazia as drogas de Foz do Iguaçu para Rio do Sul, as quais o autor levava para Blumenau. Segundo o autor o entorpecente transportado pela vítima estava chegando em Rio do Sul em quantidade menor do que o acertado com o fornecedor, e por conta disso a morte da vítima foi decretada. O autor relata que se não matasse a vítima a conta pelo entorpecente faltante seria cobrada dele próprio.

Diante do que foi apurado os agentes da DIC entraram em contato com os familiares de FLORISVALDO que se deslocaram até Rio do Sul e reconheceram alguns objetos da vítima, bem como, realizaram coleta para o teste de DNA que vai confirmar a identidade do cadáver.

Divisão de Investigação Criminal da Polícia Civil de Rio do Sul/SC

 

Outras Notícias

PUBLICIDADE