Planos de Reconstrução dos municípios atingidos pelas chuvas de junho são analisados pelo governo federal

Enviar no WhatsApp
Planos de Reconstrução dos municípios atingidos pelas chuvas de junho são analisados pelo governo federal

Foto: Wallace Rufino - SDC/SC

O Ministério da Integração, por meio da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil, estão analisando os Planos de Trabalho de Reconstrução dos municípios afetados pela chuva entre os dias 6 e 10 de junho. Uma das regiões mais afetadas foi o Norte de Santa Catarina. 

Neste processo, pode ser que União exija novos dados. Por isso, técnicos da Defesa Civil do Estado estão prestando auxílio aos municípios e orientando as prefeituras na elaboração do documento que vai garantir o repasse de recursos financeiros da União. 

Os documentos serão apresentados ao governo federal na semana que vem pela Defesa Civil. O secretário, Rodrigo Moratelli, vai pessoalmente ao Ministério. Ele irá levar toda a documentação necessária para que os municípios sejam beneficiados. São 38 que fazem parte da lista e decretaram Situação de Emergência no primeiro evento. Todos tiveram os Decretos homologados pelo Ministério da Integração. 

Segundo Moratelli, a intenção é dar agilidade à liberação de recursos. “Depois dessa fase, nos próximos dias começaremos receber os Planos de Reconstrução do segundo evento que castigou o Estado Catarinense”, disse.

Já os Planos de Reabilitação das cheias registradas entre os dias 25 e 30 de junho já começaram ser encaminhado pelas prefeituras à Defesa Civil, que avalia os documentos. Neste segundo evento, a União homologou 58 Decretos de Situação de Emergência. A região mais afetada foi o Oeste. Tão logo essa etapa seja vencida, os Planos de Reconstrução dos municípios deverão ser analisados pelo governo federal.

De acordo com o Diretor de Resposta aos Desastres da SDC/SC, James Rides da Silva, estão na fila outros cinco pedidos de liberação de recursos para municípios também atingidos pelas chuvas em 2014. “Santa Catarina é o sexto a ser beneficiado com recursos federais. No entanto, a Secretaria Nacional está empenhada em liberar os valores ainda este ano”, frisou.

Assessoria de Comunicação/Secretaria de Estado da Defesa Civil

Outras Notícias

PUBLICIDADE

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Confira nossa Política de privacidade e nosso Termo de uso.

Concordo