MPSC propõe transação penal a vereadores de Presidente Getúlio que desrespeitaram medidas de prevenção à covid-19

Enviar no WhatsApp
MPSC propõe transação penal a vereadores de Presidente Getúlio que desrespeitaram medidas de prevenção à covid-19

Fotos: Divulgação / Reprodução

 

O Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) propôs transação penal aos 11 vereadores que compareceram à sessão presencial do dia 26 de março do Poder Legislativo de Presidente Getúlio, em desrespeito às normas estaduais e municipais que fixaram medidas preventivas para enfrentamento à pandemia de covid-19, o que teria configurado crime contra a saúde pública. As informações com a repórter Vanessa Montibeller.

 

Outras Notícias

PUBLICIDADE

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Confira nossa Política de privacidade e nosso Termo de uso.

Concordo