Guia de Trânsito Animal Eletrônica será obrigatória em 2015

Enviar no WhatsApp
Guia de Trânsito Animal Eletrônica será obrigatória em 2015

Imagem Ilustrativa

O e-GTA contém informações a respeito da origem do animal, tais como o código do estabelecimento e da exploração pecuária, nome do produtor rural, nome do município e o destino para o qual o animal está sendo levado.

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) divulgou nesta semana a obrigatoriedade da Guia de Trânsito Animal Eletrônica (e-GTA) a partir de 2015 para o transporte interestadual de animais vivos, ovos férteis e outros materiais de multiplicação animal.

A e-GTA passa a ser obrigatória também para o transporte inter e intraestadual de animais vivos destinados ao abate em estabelecimentos sob o Serviço de Inspeção Federal (SIF).

A alteração foi feita na Instrução Normativa nº 19, que regulamenta o uso da Guia de Trânsito Animal. O prazo para  adequação será de 180 dias após a publicação do novo texto no Diário Oficial da União (DOU), que foi feita no dia 3 de outubro deste ano.

Outras Notícias

PUBLICIDADE

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Confira nossa Política de privacidade e nosso Termo de uso.

Concordo