Festa do Colono será realizada neste sábado em Chapadão do Lageado

Festa do Colono será realizada neste sábado em Chapadão do Lageado

Foto: DAV/Divulgação

Com sua última edição registrada em 2015, a Festa do Colono de Chapadão do Lageado voltará a ser realizada neste ano. O evento é promovido pela Secretaria de Agricultura, Indústria e Comércio, e está marcado para o dia 22 de julho, no Centro de Eventos do município.

A primeira atração deste sábado é o tratoraço, que tem a concentração marcada para as 9h, na igreja da localidade de Rio Lageado. De acordo com o secretário de Agricultura, Indústria e Comércio, Marcos Aurélio Jasper, a saída das máquinas agrícolas em direção ao Centro está programada para as 9h30. “Dá bastante gente, a gente espera umas 100 máquinas agrícolas no tratoraço”, explica Jasper.

Ao meio-dia será servido um almoço gratuito para a comunidade, que depois ainda poderá participar de diversos sorteios de brindes. Segundo o secretário, uma novilha de aproximadamente 200 quilos será sorteada entre os agricultores que participarem do tratoraço. “Vamos sortear uma bezerra, uma novilha de 200 quilos aproximadamente, na inscrição estadual do bloco de notas”, revela.

A programação da tarde segue com diversas exposições de artesanatos locais, produtos orgânicos, e exposições da Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina (Epagri). “São esperadas no evento mais de mil pessoas. A programação reserva também exposições da Epagri, de uma empresa de motos de Ituporanga, de artesanato do Grupo de Mulheres e também produtos orgânicos”, conta o secretário. Para encerrar a Festa do Colono deste ano, está programada uma tarde dançante com o Trio Balanço Legal, que terá início às 16h.

Todas as atividades são gratuitas e o objetivo do evento é homenagear o agricultor pelo seu dia, que é comemorado em 25 de julho. De acordo com o secretário, o município de Chapadão do Lageado é majoritariamente agrícola, por isso a necessidade de não deixar a data passar em branco. “Esse ano nós resolvemos fazer a Festa do Colono de novo. A gente está fazendo porque é um dia importante na vida do agricultor, se a gente não lembrar desse dia, daí passa em branco. O nosso município é 88% agrícola, então a gente sentiu a necessidade de fazer esse evento para homenagear o agricultor”, conclui Jasper.

 

Por Carolina Ignaczuk

Diário do Alto Vale

Outras Notícias

PUBLICIDADE