Estudante protesta e posa deitada em buraco na BR-282 , no Oeste de SC

Estudante protesta e posa deitada em buraco na BR-282 , no Oeste de SC

Janquieli, de 1,60 m, protestou em cratera na BR-282, no Oeste de SC (Foto: Axe Schettini/Lê NOTÍCIAS)

'Era horário de pico. Tive que confiar no fotógrafo', conta jovem.
PRF alerta para risco de parar em rodovias para fazer imagens.

Fazer reportagens sobre buracos de rua é uma tarefa “clássica” do jornalismo, especialmente para iniciantes. Mas uma estudante de jornalismo do interior de Santa Catarina decidiu inovar e posou deitada em uma das crateras na BR-282, no Oeste do estado. "Quis mostrar o tamanho do buraco", disse Janquieli Ceruti, de 21 anos e 1,60 m.

A ideia partiu do colega que acompanhava a repórter. "Quando chegamos ao local percebi que caberia uma pessoa no buraco", conta Axe Schettini, que registrou a imagem na tarde de quinta-feira (16), entre os municípios de Xaxim e Cordilheira Alta. “Era horário de pico, a foto foi feita em cinco segundos. Tive que confiar no fotógrafo”, brinca a jovem sobre o risco que correu de ser atropelada.

Mas de brincadeira, ela garante, a imagem não tem nada. “Foi um protesto, quis chamar atenção para a quantidade de mortes provocadas por acidentes naquele trecho. Os carros entram nos buracos ou invadem a contramão para desviar. Muitos corpos como o meu ficam por lá”, diz Janquieli.

Com as chuvas que caíram no início da semana, conta ela, a situação piorou. De acordo com Janquieli, o asfalto na região não passa há muito tempo por uma reforma. “Há buracos até maiores, de 2,5 m e 30 cm de profundidade”, diz.

Alerta da PRF

A Polícia Rodoviária Federal alerta para o perigo de se parar em rodovias, especialmente para tirar fotos. Há risco de acidentes e de provocar congestionamento,  segundo a PRF. Dependendo do caso, o ato é até passível de multa.

G1SC

 

Outras Notícias

PUBLICIDADE