Chapadão do Lageado completa hoje 19 anos de emancipação

Sendo o município mais novo da região do Alto Vale do Itajaí foi emancipado de Ituporanga em 1995 e instalado em 1º de janeiro de 1997. Chapadão do Lageado foi colonizado por descendentes alemães por volta de 1929. Pioneiros de diversas regiões do estado de Santa Catarina, principalmente dos municípios de Tubarão, Braço do Norte, Angelina, São José, Bom Retiro e Urubici subiram de cargueiro a Serra do Rio Lageado, instalando-se no local. Exploraram as atividades agropecuárias da mandioca e do milho e denominaram a localidade como Chapadão do Lageado por estar situada na parte alta do Rio Lageado.

O município possui em seu interior antigas estufas de fumo, a maioria em atividade, com suas características originais mantidas até os dias atuais. Suas tradições e costumes estão presentes na produção de queijos artesanais e melado, fabricado em antigos engenhos de cana-de-açúcar. Entre os eventos populares, realiza a Festa da Padroeira do município e a Festa do Colono, ambas nos mês de julho.

Chapadão do Lageado possui economia baseada na agricultura com pequenas e médias propriedades rurais. O relevo do município é constituído de superfícies onduladas sendo rodeado pela Serra Geral. Apresenta imenso potencial turístico voltado à exploração ordenada dos recursos naturais como o Morro da Santa, com 1.333 metros, muito utilizado no turismo religioso, a Cachoeira do Rio Saltinho, o Cânion do Rio Lageado de onde se avista o Vale do Rio Lageado e por fim, o Tanque, uma depressão natural, cravada na Serra Geral. Ainda com pouca infra-estrutura para o turismo, o município oferece aos visitantes a calorosa acolhida dos moradores. Aproveitar a tranqüilidade do lugar, a simplicidade do homem do campo e a beleza das paisagens são as melhores dicas para os visitantes.

Outras Notícias

PUBLICIDADE