Atalanta Realiza Ações de Combate à Violência e Exploração Sexual Infanto-juvenil

Atalanta Realiza Ações de Combate à Violência e Exploração Sexual Infanto-juvenil

Imagem Ilustrativa (Reprodução Internet)

Com o objetivo de romper o silêncio acerca da violência contra crianças e adolescentes, o Município de Atalanta proporciona à comunidade várias informações e orientações de combate à violência e a exploração sexual infanto-juvenil, realizando todos os anos, ações de esclarecimento à população, seja através de panfletagem, peças teatrais, conversas com os alunos nas escolas, passeatas, entre outros. Para isso, conta com o apoio de diversos parceiros interessados na proteção de nossas crianças e adolescentes.

A Violência e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes é crime! Assegurar à criança e ao adolescente o direito à dignidade e ao respeito e protegê-los da exploração, violência e crueldade é um dever de todos nós. A violência sexual contra a criança e o adolescente é uma das violações mais perversas, pois fere o direito à saúde (física e emocional), à liberdade, ao respeito e à dignidade de suas vítimas, acarretando consequências que serão carregadas, possivelmente, por toda a vida!

Pensando nisto, o Conselho Tutelar em parceria com o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente do Município se dispuseram a realizar de uma ação diferente. Nasceu assim a ideia de lançar um concurso entre os alunos da rede municipal e estadual de ensino com o tema: “Basta de Violência e Exploração Infanto-juvenil. Queremos Carinho de Verdade.”

O concurso municipal teve como principais objetivos: Prevenir e combater a violência e exploração infanto-juvenil por meio de apropriação de conhecimentos referentes ao tema; Incentivar o aluno a construir conhecimento sobre o que é violência e exploração sexual por meio do desenvolvimento de trabalhos em sala de aula; Proporcionar o debate entre alunos e professores em sala de aula sobre violência e exploração sexual; e Estimular que as crianças e adolescentes levem e busquem informações com os pais ou responsáveis a respeito do tema.

De acordo com o regulamento, as crianças e adolescentes deveriam desenvolver alguns trabalhos referentes ao tema, sendo: Desenhos para alunos de 1º ao o 5º ano; Redação para alunos entre o 6º e 9º ano e Artigo de opinião da 1ª a 3ª série do ensino médio.

Os trabalhos foram analisados pelo Conselho Tutelar. No dia 30 de setembro foi programado um evento para premiação dos trabalhos escolhidos com a entrega de nove tablets.

Os vencedores foram:

Categoria 1º ao 5º ano – Desenho:

Samoel Lourenzo Voss de Souza – 2ª ano

Luiz Carlos Kreuch – 5º ano

Jaqueline Nunes – 5º ano

Categoria 6º ao 9º ano – Redação:  

Alex Waldrich – 9º ano I

Iago Antunes Artner – 7º ano II

Vitor Zanelatto – 7º ano I

Categoria 1º ao 3ª Série do Ensino Médio – Artigo de Opinião

Taila Prochnow – 3ª série I

Cristina Back – 2ª série II

Ketlen Caroline May  - 3ª série I

Assessoria Prefeitura de Atalanta 

Outras Notícias

PUBLICIDADE