Alto e Médio Vale do Itajaí priorizam infraestrutura em ações orçamentárias

A regional de Ituporanga destacou por meio de seus representantes a pavimentação da SC-281, no trecho entre Ituporanga e Atalanta.

Alto e Médio Vale do Itajaí priorizam infraestrutura em ações orçamentárias

Audiência do Orçamento Regionalizado em Rio do Sul (Foto: Miriam Zomer/Agência AL)

Promovidas pela Assembleia Legislativa, por intermédio da Comissão de Finanças e Tributação, as audiências do Orçamento Regionalizado buscam contribuir na definição das principais prioridades junto à população.

No Alto e Médio Vale do Itajaí, foram promovidos encontros em cinco regionais, reunindo autoridades e lideranças, e as obras de infraestrutura predominaram nos pedidos.

A regional de Ituporanga, que engloba nove cidades, destacou por meio de seus representantes a pavimentação da SC-281, no trecho entre Ituporanga e Atalanta, uma das obras de maior relevância. Com 22 municípios, as regionais de Taió, Rio do Sul e Ibirama focaram as prioridades também nas obras de infraestrutura. Já a regional de Timbó elencou a construção de um anel viário que liga a cidade de Benedito Novo à BR-470, via Indaial, como principal ação.

Das cinco regionais do Alto e Médio Vale do Itajaí, cada uma elegeu três ações para integrar a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e a Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2017. Em Ituporanga, o secretário-executivo da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR), Elias Souza, afirmou que a destinação de recursos aos municípios para a implantação de distritos industriais é a principal ação.

Ao fazer um panorama das audiências, o deputado Milton Hobus (PSD) mencionou que o governante, ao ouvir cada vez mais os clamores da sociedade, erra menos. "A Assembleia ajuda o governo a escolher, em sintonia com a comunidade, com a população em cada região, aquilo que de fato é prioridade", comentou. Já o presidente da Comissão de Finanças e Tributação, deputado Marcos Vieira (PSDB), destacou que as demandas por infraestrutura rodoviária e saúde já acolhidas em 2016 prevaleceram neste ano durante a votação das prioridades.

Prioridades elencadas: Alto e Médio Vale do Itajaí

ADR Regional de Ituporanga (Aurora, Atalanta, Petrolândia, Chapadão do Lageado, Imbuia, Vidal Ramos, Leoberto Leal, Alfredo Wagner)
1 – Pavimentação da SC-281, trecho Ituporanga-Atalanta
2 – Implantação de distritos industriais nos municípios
3 – Manutenção e reforma de escolas de educação básica

ADR Regional de Taió (Mirim Doce, Pouso Redondo, Rio do Campo, Salete, Santa Terezinha)
1 – Pavimentação da rodovia BR-116, trecho de Santa Terezinha
2 – Implantação de polo de atendimento hospitalar
3 – Terraplenagem, pavimentação, obras de arte especiais (OAE), supervisão do acesso de Santa Terezinha e Itaiópolis

ADR Regional de Rio do Sul (Agrolândia, Agronômica, Braço do Trombudo, Laurentino, Rio do Oeste e Trombudo Central)
1 – Terraplenagem, pavimentação, obras de arte especiais (OAE), supervisão da Estrada da Madeira, trecho entre Agronômica e Trombudo Central
2 – Construção de ponte e de contorno viário em Rio do Sul
3 – Construção e manutenção de centro de tecnologia e inovação em Rio do
Sul

ADR Regional de Ibirama (Apiúna, Dona Emma, José Boiteux, Lontras, Presidente Getúlio, Presidente Nereu, Vitor Meireles e Witmarsum)
1 – Reforma e ampliação do Hospital Doutor Waldomiro Colautti, em Ibirama
2 – Pavimentação asfáltica ligando Presidente Nereu a Vidal Ramos
3 – Pavimentação do trecho que liga Vitor Meireles à BR-116

ADR Regional de Timbó (Ascurra, Benedito Novo, Doutor Pedrinho, Indaial, Rio dos Cedros e Rodeio)
1 – Construção de anel viário SC-477, SC-416 e BR-470 (ligação entre Benedito Novo à BR-470, via Indaial)
2 – Atendimento hospitalar de média e alta complexidade no Hospital e Maternidade Oase, em Timbó
3 – Incentivos financeiros para custeio do Hospital Beatriz Ramos, de Indaial

Tatiani Magalhães / Agência AL 

Outras Notícias

PUBLICIDADE