Agronômica decreta situação de emergência

Alagamentos, desabrigados, deslizamentos e prejuízos na agricultura levaram a prefeitura a decretar Situação de Emergência.

Agronômica decreta situação de emergência

Fotos: Aires Ribas de Souza

As fortes chuvas já obrigaram a Defesa Civil de Agronômica a retirar dezenas de famílias de suas residências. Comunidades estão isoladas e acessos a outros municípios estão alagados.

De acordo com o coordenador da Defesa Civil, Aires Ribas de Souza, as famílias estão sendo levadas ao Ginásio Municipal e ao salão paroquial da Igreja Católica, Paróquia N. S. Caravaggio.

No interior do município houve deslizamentos, danificação das estradas vicinais, entupimento de bueiros e as condições de trafegabilidade das estradas são caóticas. Há muito prejuízo na agricultura, principalmente na lavoura de trigo, que está passando da hora da colheita. Granizo durante a semana também causou estragos em lavouras de fumo e de milho.

A quinta-feira 22, é de atenção. O Centro está alagado e o acesso à BR-470 também está tomado pelas águas. O município está isolado, sem acesso secundário a Rio do Sul e a Trombudo Central e nem pela BR-470.

O prefeito José Menegatti decretou Situação de Emergência. 

Agência de Notícias Ekos

Outras Notícias

PUBLICIDADE