"É uma felicidade e uma tristeza junto", conta mulher que achou bebê no lixo em Balneário Camboriú

Dona de uma oficina de joias, Ivanice Flores Pletiskaitz saía do supermercado quando encontrou a criança (Foto: Rafaela Martins / Agencia RBS)

O menino, de aproximadamente dois dias, foi encontrado nos fundos de um supermercado no Centro da cidade.

_ Quando eu o abracei, foi como se ele quisesse dizer "eu estou bem agora" _ relembra Ivanice Flores Pletiskaitz, 56 anos, depois de encontrar no lixo um bebê recém-nascido nesta quarta-feira, por volta das 13h20, em Balneário Camboriú.

O menino, de pele branca e cabelos castanho-claros foi encontrado por ela e por Fernanda da Silva, 21, nos fundos do supermercado Imperatriz, na rua 1542. Dona de uma oficina de joias, Ivanice voltava do supermercado quando dois rapazes passaram dizendo terem tido a impressão de ouvir o choro de uma criança a poucos metros dali.

_ Estou até agora me tremendo. É uma felicidade e uma tristeza junto. Não é fácil encontrar uma criança linda, saudável e tão pequena no meio do lixo _ disse Ivanice, que é mãe de três filhas e avó de dois netos.

Fernanda, que estava a caminho do trabalho e foi atraída pela cena, conta que fazer parte de uma história como esta provoca uma alegria que preferia não ter vivido:

_ Não foi fácil. Na hora que eu o vi, que desenrolei ele da coberta, comecei a chorar de ver que eu tinha encontrado um bebezinho daquele tamanho no meio do lixo.

Ivanice explica que o bebê foi encontrado com as mãos ainda quentinhas e bem agasalhado _ o que indicaria que o abandono teria ocorrido momentos antes do encontro com o menino.

_ Eu percebi que na manta dele tinham formigas, por isso corri para a minha loja, perto dali, e tirei toda a roupinha dele para me certificar que elas só estavam na manta e que ele não estava machucado _ relata.

Bebê passa bem

A Polícia Militar e o Conselho Tutelar de Balneário Camboriú foram acionados e o bebê, de aproximadamente dois dias de vida, foi conduzido ao Hospital Municipal e Maternidade Ruth Cardoso para avaliação clínica, onde permanecerá em observação até esta quinta-feira. A conselheira tutelar Jane Eloá Lopes de Oliveira diz que a criança foi encontrada limpa e aparentemente saudável, pesando cerca de 3,5 quilos. O menino vestia calça verde, botinha amarela, blusa branca e estava envolto por uma manta quando foi encontrado pelas mulheres. Segundo a profissional, o menino será levado já nesta quinta para o abrigo Bom Pastor, em Camboriú.

A Polícia Civil vai investigar o caso, mas o inquérito ainda não foi instaurado.

O SOL DIÁRIO

Outras Notícias

PUBLICIDADE