Ituporanga é o segundo município em Santa Catarina a desenvolver o Projeto Jovem Doutor

Realizado em parceria com o Departamento de Telemedicina da USP e o COMAD a aula inaugural foi realizada na sexta-feira (17).

Enviar no WhatsApp
Ituporanga é o segundo município em Santa Catarina a desenvolver o Projeto Jovem Doutor

Fotos: Divulgação / Reprodução

 

Ituporanga passa a ser referência em Santa Catarina com o desenvolvimento do Projeto Jovem Doutor. Realizado em parceria com o Departamento de Telemedicina da USP, o programa tem o propósito de incentivar os estudantes a realizarem trabalhos cooperados que promovam a saúde e melhorem a qualidade de vida de comunidades necessitadas através de uma ação sustentada.

Na Capital da Cebola passam a integrar o projeto 16 alunos do Centro Educacional Pedro Julio Muller. As atividades que são realizadas no contraturno do ensino regular serão supervisionadas  pela professora Elizandra Bilck Stuup e terão a condução do médico Dr. Chao Lung Wen, chefe do departamento de telemedicina da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo – USP, idealizador no projeto.

O projeto foi iniciado oficialmente na sexta-feira, 17, com a aula inaugural, marcada por uma solenidade realizada na Unidavi Campus de Ituporanga. Durante o primeiro encontro os alunos participantes ganharam os jalecos que serão utilizados durante todo o desenvolvimento do programa e foi o momento em que os estudante tiveram também primeiro contato com o intermediador das atividades Dr. Chao.

Em Ituporanga o projeto está sendo possível, graças a parceria da Administração Municipal por meio da Secretaria da Educação e provocação do Conselho Municipal de Políticas Públicas sobre Drogas (COMAD). 

A expectativa da Administração de acordo com o prefeito Gervásio Maciel é estender a realização do projetos para as demais escolas do município. “Os estudantes são a porta de entrada em todas as famílias e são os multiplicadores  de tudo o que é desenvolvido. Sendo possível vamos ampliar para todas as nossas unidades”, explicou.

Em Santa Catarina, Ituporanga é o segundo município a aderir ao projeto. A cidade pioneira foi Balneário Camboriú. 

SOBRE O JOVEM DOUTOR:

O Jovem Doutor não significa o jovem médico, mas sim o jovem com um bom conhecimento em algum assunto específico que possa ajudar uma comunidade. Trata-se de uma oportunidade de exercício de cidadania e de iniciação científica, com aplicação prática dos conhecimentos obtidos em sala de aula, sob a orientação dos professores.

Por Assessoria de Comunicação

Administração de Ituporanga

Outras Notícias

PUBLICIDADE

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Confira nossa Política de privacidade e nosso Termo de uso.

Concordo