Tributos e taxas não pagas em 2021 somam R$ 1.042.518 em dívida ativa em Ituporanga

Maior parcela desse valor é referente ao não pagamento do IPTU e taxa de lixo, segundo administração.

Enviar no WhatsApp
Tributos e taxas não pagas em 2021 somam R$ 1.042.518 em dívida ativa em Ituporanga

Foto: Divulgação / Reprodução

 

Os tributos e taxas não pagas em 2021 e que entraram para dívida ativa somam R$ 1.042.518 em Ituporanga. A Administração Municipal alerta os contribuintes para que regularizem a situação e evitem problemas como negativação do nome e até cobrança judicial, que pode gerar custos ainda maiores para o morador.

A maior parte desse valor é referente a tributos como Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) e taxa de coleta de lixo que juntos somam R$ 616.485,36 da dívida ativa. O ISS e taxas como as de alvará sanitário, de localização e licença, de construção, entre outras, integram o restante do valor devido ao município. Na dívida ativa também somam tributos como os do programa Da Porteira pra Dentro.

De acordo com o secretário da Fazenda, Nilson Werter, a orientação aos contribuintes que têm dívida ativa com o Município é regularizar a situação o mais rápido possível. “Dependendo do valor da dívida é possível fazer o parcelamento. A regularização é fundamental para que a pessoa não tenha o nome inscrito no Serasa e evite problemas com a justiça. Além disso, o contribuinte ainda tem que arcar com as custas judiciais ou de cartório se houver e acaba pagando mais”, disse.

O secretário esclareceu ainda que a Administração Municipal é obrigada por lei a executar a dívida ativa sob pena de responder por prevaricação, mas a intenção é sempre buscar uma forma mais econômica e que beneficie o contribuinte. O atendimento na Secretaria da Fazenda é das 08h às 12h e das 13h30 às 17h30.

 

Por Assessoria de Comunicação

Administração de Ituporanga

Outras Notícias

PUBLICIDADE

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Confira nossa Política de privacidade e nosso Termo de uso.

Concordo