Procon vai investigar denúncia de formação de cartel entre os postos de combustíveis em Ituporanga

Nos postos do Centro os preços estão praticamente tabelados em torno de R$ 4,39 o litro.

Procon vai investigar denúncia de formação de cartel entre os postos de combustíveis em Ituporanga

Imagem Ilustrativa (Foto: Claiton Dornelles / Jornal do Comércio)

 

Na manhã desta segunda-feira (19) o Procon de Ituporanga protocolou denúncia de possível formação de cartel com relação aos preços da gasolina nos postos da Capital da Cebola.

De acordo com a denúncia os proprietários de postos de combustíveis do Centro de Ituporanga não têm repassado aos consumidores as reduções ocorridas nos preços pagos nas refinarias.

A denúncia cita ainda a disparidade entre os preços praticados na Região da Cebola. A variação chega a 40 centavos por litro. Na cidade de Leoberto Leal a gasolina está sendo comercializada a R$ 3,98 o litro, na comunidade do Rio Bonito em Ituporanga o motorista tem pagado R$ 4,14 o litro, já no Centro de Ituporanga os preços estão praticamente tabelados em torno de R$ 4,39 o litro.

Depois de protocolada a denúncia o Procon de Ituporanga está repassando as informações e a solicitação de fiscalização da possível prática de cartel nos postos de combustíveis para o setor de fiscalização do Procon estadual que tomará as devidas providências.

 

Por Sintonia FM

Outras Notícias

PUBLICIDADE