MPSC promove palestras para orientar agricultores no combate ao comércio ilegal e o uso irregular de agrotóxicos

Enviar no WhatsApp
MPSC promove palestras para orientar agricultores no combate ao comércio ilegal e o uso irregular de agrotóxicos

Divulgação/Reprodução

 

O Ministério Público de Santa Catarina (MPSC), em parceria com a Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa (Cidasc) e 3º Pelotão de Polícia Militar Ambiental de Rio do Sul, realizará duas palestras alusivas ao Programa Campo Limpo, hoje (26) em Imbuia e amanhã (27) em Ituporanga. Serão abordados temas relacionados ao uso, comércio e fabricação de agrotóxicos ilegais e as consequências criminais, na saúde, no meio ambiente e na sociedade.  Os encontros acontecerão na sede das Câmaras de Vereadores, às 17 horas. 

O Programa Campo Limpo é uma iniciativa da 2ª Promotoria da Comarca de Ituporanga e tem o propósito de expor aos agricultores a necessidade de se observar as normas de compra e aplicação do produto, tratar sobre os danos ambientais do uso de agrotóxicos de venda proibida, bem como destacar os perigos à saúde. 

De acordo com o Promotor de Justiça, João Paulo Bianchi Beal, após operação deflagrada em 2021, verificou-se o enorme impacto ambiental e econômico com o uso de agrotóxicos ilegais e adulterados. Segundo ele, a Promotoria de Justiça precisava atuar de forma preventiva nesta área e assim orientar os envolvidos com a cadeia da cebola. 

A operação citada pelo Promotor de Justiça foi denominada de Deméter e aconteceu no mês de julho de 2021. A finalidade da ação foi para combater a adulteração, comércio irregular e a utilização de agrotóxicos ilegais nos municípios integrantes da Comarca de Ituporanga. 

Diante do cenário encontrado na região, com o uso de agrotóxicos ilegais ou adulterados, o MPSC buscou a parceria da Cidasc e da Polícia Militar Ambiental e desenvolveu o programa Campo Limpo. 

As palestras visam atuar para que as pessoas envolvidas com o plantio da cebola, comerciantes locais e agricultores, possam trabalhar na prevenção e combate da comercialização irregular e utilização de produtos com venda proibida no Brasil.

Outras Notícias

PUBLICIDADE

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Confira nossa Política de privacidade e nosso Termo de uso.

Concordo