Corpus Christi é celebrado em Ituporanga com confecção de tapetes

O trabalho começou cedo no centro de Ituporanga na manhã desta quinta-feira, 15, feriado de Corpus Christi. Mantendo a tradição, voluntários, fiéis e equipe da Paróquia Santo Estevão de Ituporanga confeccionam os tradicionais tapetes. Feitos com serragem, folhas, flores e demais materiais o tapete serve de caminho para a passagem do Corpo de Cristo. Em Ituporanga centenas de pessoas participaram da procissão que sai da Igreja Matriz, passa pela Praça Frei Gabriel, segue pelas Ruas Presidente Nereu, Emílio Altemburg, Governador Celso Ramos, 14 de Fevereiro, e retorna à Matriz pela lateral da Praça Frei Gabriel finalizando com a benção do Santíssimo Sacramento. Corpus Christi significa Corpo de Cristo. É uma festa religiosa da Igreja Católica que tem por objetivo celebrar o mistério da eucaristia, o sacramento do corpo e do sangue de Jesus Cristo. A festa de Corpus Christi acontece sempre 60 dias depois do Domingo de Páscoa ou na quinta-feira seguinte ao domingo da Santíssima Trindade, em alusão à quinta-feira santa quando Jesus instituiu o sacramento da eucaristia. O Corpus Christi não é feriado nacional, tendo sido classificado pelo governo federal como ponto facultativo. Isso significa que a entidade patronal é que define se os funcionários trabalham ou não nesse dia, não sendo obrigados a dar-lhes o dia de folga. Durante esta festa são celebradas missas festivas e as ruas são enfeitadas para a passagem da procissão onde é conduzido geralmente pelo Bispo, ou pelo pároco da Igreja, o Santíssimo Sacramento que é acompanhada por multidões de fiéis em cada cidade brasileira. A tradição de enfeitar as ruas começou pela cidade de Ouro Preto em Minas Gerais. A procissão pelas vias públicas, é uma recomendação do Código de Direito Canônico que determina ao Bispo Diocesano que tome as providências para que ocorra toda a celebração, para testemunhar a adoração e veneração para com a Santíssima Eucaristia. Origem do Corpus Christi A festa do Corpus Christi foi instituída pelo Papa Urbano IV no dia 8 de Setembro de 1264. A procissão de Corpus Christi lembra a caminhada do povo de Deus, peregrino, em busca da Terra Prometida. O Antigo Testamento diz que o povo peregrino foi alimentado com maná, no deserto. Com a instituição da eucaristia o povo é alimentado com o próprio corpo de Cristo.