Governador confirma prisão de infiltrados nos bloqueios em SC

 

Uma reunião marcada para sexta-feira, às 14h, com todos os dirigentes do setor produtivo de Santa Catarina e autoridades estaduais vai fazer um balanço geral dos prejuízos com a greve dos caminhoneiros em Santa Catarina e planejamento de ações para a volta à normalidade.

A informação foi dada pelo governador Eduardo Moreira durante coletiva a imprensa esta manhã no Centro de Gerenciamento de Riscos e Desastre da Defesa Civil.

Ele confirmou que várias atividades foram restabelecidas totalmente ou começam a ser reiniciadas nas indústrias e na agricultura.

Denunciou oficialmente a presença de infiltrados em vários bloqueios no Estado durante esta semana em rodovias federais e estaduais. A inteligência e os órgãos de segurança prenderam 13 dos líderes radicais que organizavam atos de violência em Imbituba, BR-101, além de outros 23 pessoas conduzidas a Polícia. Serão todos processados criminalmente.

Eduardo Moreira confirmou também grupos estranhos  que bloquearam o Terminal da Petrobrás em Biguaçu, agindo também com violência.

–  A greve dos caminhoneiros teve adesão até domingo. A partir de segunda-feira foi totalmente desvirtuada, com a presença de estranhos – disse o governador.

Com dados de vários órgãos, disse que o Centro de Ceasa já está abastecido, que os frigoríficos reiniciaram suas operações, que os portos retomam as exportações e que está havendo transporte de cargas no oeste, onde neste momento há um comboio com 150 caminhões.

O esquema de segurança continua montado neste feriado e vai permanecer de plantão.

 

Por Moacir Pereira

NSC Total

Outras Notícias

PUBLICIDADE