Inscrições para concorrer a 24 mil bolsas de graduação em SC são prorrogadas

Inscrições para concorrer a 24 mil bolsas de graduação em SC são prorrogadas

Foto: Jean Pimentel / Agencia RBS

 

As inscrições para concorrer às Bolsas Universitárias de Santa Catarina (Uniedu) foram prorrogadas até o dia 20 de março. Inicialmente, o prazo terminaria nesta quarta-feira, dia 7. Os interessados devem estar regularmente matriculados em algum curso superior e se inscrever no site do programa. A iniciativa da Secretaria de Estado da Educação (SED) oferta bolsas de 25% até 100% do valor da mensalidade do curso.

Para este primeiro semestre de 2018, 68 instituições comunitárias e privadas de todo o Estado firmaram convênio para oferecer o serviço. Neste primeiro momento serão 24 mil benefícios, sendo duas opções de bolsa: Artigo 171 que beneficia o estudante até o término da graduação, e a outra é o Artigo 170, da qual é necessária a comprovação semestral de carência para manter o benefício, ambos previstos na Constituição do Estado de Santa Catarina. Cerca de R$ 110 milhões serão investidos para graduação e pós-graduação. Para bolsas de pós-graduação ainda não há previsão de abertura de edital.

Podem participar do programa estudantes regularmente matriculados em cursos de graduação das instituições cadastradas na SED mediante a apresentação dos documentos exigidos no edital e nos prazos definidos pela instituição de ensino superior. A seleção do bolsista pode variar de acordo com a análise da situação socioeconômica feita pela equipe técnica de cada instituição de ensino.

Mais sobre o programa

O programa Bolsas Universitárias de Santa Catarina (Uniedu) é voltado aos estudantes de graduação e pós-graduação e oferece bolsas de estudo e de pesquisa e extensão fundamentados nos Artigos 170 e 171 da Constituição Estadual.

Até 2017, mais de 163 mil benefícios foram concedidos a estudantes cadastrados, que em contrapartida participaram de projetos sociais com visão educativa, em diferentes segmentos da sociedade conforme projetos aprovados nas Câmaras de Pesquisa.

 

Por Diário Catarinense 

Outras Notícias

PUBLICIDADE