Contra decisão de Moro, defesa questiona ida de Lula a audiências da Lava-Jato

Na segunda-feira, o juiz federal determinou que o ex-presidente poderá chamar 87 testemunhas desde que presencie os depoimentos.

Contra decisão de Moro, defesa questiona ida de Lula a audiências da Lava-Jato

Foto: Montagem sobre fotos: Fabio Rodrigues Pozzebom/Douglas Magno / AFP/Agência Brasil

Os advogados do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva protocolaram, na quarta-feira, na 13ª Vara Criminal Federal de Curitiba, um recurso para que o juiz Sérgio Moro reconsidere a decisão de exigir que o petista acompanhe os depoimentos de todas as 87 testemunhas arroladas pela defesa.

— Não há nenhuma disposição legal que permita ao juiz exigir a presença. O juiz não pode criar situações que não esteja prevista em lei — afirmou o advogado Cristiano Zanin Martins, defensor do ex-presidente.

*Estadão Conteúdo

Diário Catarinense 

Outras Notícias

PUBLICIDADE